Saiba quais são os 5 procedimentos mais usados na Ginecologia Regenerativa - ABCGIN Saiba quais são os 5 procedimentos mais usados na Ginecologia Regenerativa - ABCGIN

Pesquisar

Validando credenciais, por favor aguarde ...
  • Cursos: 21 99973-1534

  • Suporte: 21 4146-4336 | WhatsApp

Home

Saiba quais são os 5 procedimentos mais usados na Ginecologia Regenerativa

Saiba quais são os 5 procedimentos mais usados na Ginecologia Regenerativa

Saiba quais são os 5 procedimentos mais usados na Ginecologia Regenerativa

Não é novidade que a Ginecologia Regenerativa está se tornando cada vez mais popular entre os médicos e pacientes. Como já sabemos, Ginecologia Regenerativa é o nome dado ao conjunto de procedimentos, ao tratamento da região íntima da mulher, que visam devolver a funcionalidade da sua área genital, melhorando problemas fisiológicos e até mesmo aumentando a autoestima e segurança da mulher em relação ao seu corpo.

A gama de procedimentos que podem ser utilizados nessa nova abordagem é grande, mas você sabe quais são os 5 mais recomendados pelos médicos e mais procurados pelas pacientes? Vejamos neste artigo!

Laser vaginal

Esse costuma ser o preferido dos médicos ginecologistas. O laser vaginal vem sendo utilizado cada vez mais, em tratamentos com diversas finalidades. Essa técnica costuma ser uma alternativa muito eficaz para problemas como a atrofia vaginal, o ressecamento, a dor durante a relação sexual, a incontinência urinária e até mesmo para mulheres que passaram por tratamentos como a quimioterapia, que podem gerar consequências em sua região genital. Quando a mulher já possui idade mais avançada e está em período de menopausa, é normal que o corpo diminua a produção de hormônios, causando uma atrofia na mucosa vaginal e falta de lubrificação, mas, com a administração do laser, há uma melhora significativa desses sintomas, porque ele age estimulando a movimentação muscular, através de ondas eletromagnéticas, que fazem com que a produção hormonal e de colágeno volte a acontecer de forma mais satisfatória.

O tratamento com laser vaginal é realizado em algumas sessões, a depender da indicação médica, e não há necessidade de grande repouso para recuperação, por se tratar de um procedimento minimamente invasivo. Recomenda-se, somente, que a paciente evite, nos primeiros cinco dias, atividades de grande esforço e relações sexuais.

Ninfoplastia

A ninfoplastia é um procedimento que também vem sendo bastante procurado pelas mulheres hoje em dia. Sempre foi normal ver a população feminina buscando por tratamentos estéticos, principalmente plásticas no rosto, enquanto a região íntima ficava esquecida. Hoje em dia, isso já é diferente, as mulheres estão se preocupando mais com sua área genital, procurando melhorar sua funcionalidade e aparência. A cirurgia para correção de assimetrias nos lábios vaginais – chamada de labioplastia redutora – pode ser indicada àquelas mulheres que sofrem com a atrofia dos pequenos lábios, que traz a ela um grande desconforto durante a relação sexual e até mesmo ao usar determinada roupa, causando fissuras, ressecamento e escurecimento da área.

Peelings genitais

Como já foi dito, é normal que certos fatores causem um escurecimento indesejado na região íntima da mulher. Disfunções hormonais, envelhecimento, menopausa, atrofia, tudo isso pode fazer com que toda a pele da área genital se torne mais escura. Por isso, médicos e pacientes começaram a adotar o tratamento com peelings genitais. Peeling ou clareamento genital consiste na esfoliação do tecido, que promove a renovação e, consequentemente, devolve a cor natural, a elasticidade e a hidratação. O peeling genital só pode ser feito com a recomendação de um profissional qualificado, pois o tratamento é realizado com a administração de ácidos que podem causar sensibilidade na mulher caso não sejam usados corretamente.

Preenchimentos dos grandes lábios

Mais uma vez frisamos aqui que é completamente normal que a mulher passe por uma queda na produção de hormônios após os 40 anos, e isso traz algumas consequências que já vimos anteriormente. Além daquelas, há também a flacidez dos grandes lábios, o que faz com que a mulher se sinta insegura com a sua região íntima. Para isso, os médicos costumam indicar o preenchimento dos grandes lábios, que tem como objetivo aumentar seu volume e devolver a eles o aspecto harmônico. O procedimento é bastante simples e ocorre com a coleta e o enxerto de gordura de outra parte do corpo nos grandes lábios.

Biomodulação hormonal

Essa técnica é uma das mais novas na Ginecologia Regenerativa. Consiste busca e suplementação de hormônios a fim de atingir níveis hormonais semelhantes aos que a mulher possuía na faixa entre 18 e 21 anos, que é considerado o melhor período de produção. Também conhecida como Terapia Antienvelhecimento, a Biomodulação Hormonal traz à mulher uma maior qualidade de vida, melhora seu desempenho, principalmente mental e sexual, trazendo de volta sua autoestima.

Existem ainda diversos outros procedimentos importantes e muito usados na Ginecologia Regenerativa. É altamente relevante que os médicos ginecologistas estejam sempre a par dessas técnicas, já que as mulheres buscam cada vez mais a jovialidade, a autoestima e a satisfação com a sua região íntima.